[ x ] Fechar

O ar condicionado na hora da maternidade

  • 21 de maio de 2013
  • 2 Comentários

Inverno chegando, frio a vista! Para quem já está acostumado com a serração gelada das O ar condicionado na hora da maternidade
manhãs e o vento cortante que abraça as noites, as baixas temperaturas são apenas uma conseqüência. Mas e para as mães de primeira viagem? Ou até de segunda e terceira navegação, como proceder com os pequenos nesta época? A única solução para que os bebês tenham um conforto maior na hora do banho ou de até mesmo trocar as fraldas é ter ligado um climatizador de ar que aqueça o ambiente para que o frio não encubra a pele tão sensível dos recém-nascidos.

Seria fácil pensar que tudo se ajeita depois que é instalado um ar condicionado em casa. É só ligar nas funções específicas e pronto. Relaxar com a temperatura escolhida para o ambiente. Porém, na hora de serem mães, muitas mulheres pecam no cuidado e não prestam atenção em regras básicas relacionadas aos produtos que prometem conforto e ar quente (ou gelado).

Cuidados

Bebês são sensíveis aos climas muito bruscos. Seco demais ou úmido demais são prejudiciais sim para a saúde de crianças pequenas. “Não está proibido o ar ligado. De jeito nenhum. Porém, manter o aquecedor ou condicionador de ar funcionando durante o tempo inteiro pode fazer a criança ter problemas respiratórios. Para manter o bebê aquecido, melhor deixar o ar ligado por um tempo antes do banho e desligá-lo quando for fazer os procedimentos com a criança. Ligar novamente só depois que o filho já estiver com os cabelos bem secos”, ressaltou a pediatra Mariana Oliveira, que atende em seu consultório cerca de 15 crianças por dia. Pelo menos 10 desses pacientes apresentam problemas como resfriado ou gripe.

Cuidados na hora do banho nos recém nascidos

Dicas Extras

É recomendado para quem tem essas pessoas tão pequenas formando a vida dentro de casa é manter, óbvio, um lugarzinho legal e agradável para eles. Para isso, o ideal é utilizar radiadores a óleo, que podem ficar ligados ininterruptamente. Algumas pessoas também utilizam dos produtos que possuem termostato. O ar condicionado e os aquecedores elétricos formam um clima seco o que prejudica a mucosa e as vias aéreas das crianças. Para esses dias castigados pelo forte vento que nos deixam sonhando com um bom ar quente, é importante lembrar que os bebês necessitam destes cuidados especiais. O mesmo acontece para as mulheres que ainda estão no período da gestação.

Além disso, certifique-se que não existe corrente de ar no momento do banho dos bebês. Feche bem as janelas, aqueça a água numa temperatura confortável para a criança. Desligue fogão e outros eletrodomésticos que possam lhe distrair. Infelizmente, pesquisas mostram que é grande o número de acidentes com crianças durante o banho.

Depois de certo tempo, os pulmões das crianças já estão desenvolvidos e prontos para enfrentarem as ondas fornecidas pelo ar condicionado. O ideal mesmo para esses tempos gelados é encher o ambiente de amor e muito calor humano, o melhor climatizador que existe.

Texto criado exclusivamente pelo setor de jornalismo do portal
WebArCondicionado. Com informações de Folha de são Paulo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

2 Ideias sobre "O ar condicionado na hora da maternidade"

  • Instalei um consul bem estar de 7000 btus no quarto da minha filha e desde o primeiro dia ela passa a noite toda tossindo. Ouvi falar que era necessário ajustar a umidade, porém no manual não é claro. Solicito um orientação de como proceder.

    • Oi Marcus. Não temos informações referente à esta funcionalidade no Consul Bem Estar.
      Por natureza, sabemos que o AC retira a umidade do ar, por isso, recomendamos o uso de um umidificador no ambiente.
      Se restarem dúvidas entre em contato com o suporte do seu fabricante.
      Obrigado pelo contato.