Por Yuri Correa,
Redação do Portal WebArCondicionado

Não é a primeira vez que essa pergunta surge aqui no nosso blog. Já respondemos muitas vezes como o ar-condicionado pode ou não afetar a sua saúde, e hoje vamos falar de mais um dúvida frequente dos nossos leitores sobre o assunto: o ar-condicionado faz bem para pessoas com febre?

Afinal, a febre é um aumento da temperatura corporal, e o ar-condicionado baixa a temperatura dos ambientes. Logo, será que dá para usar o aparelho para combater esse sintoma desagradável de gripes e outras enfermidades?

Ar-condicionado + febre = conforto

Pois bem, o melhor é ser prudente, pois a resposta para essa pergunta varia de caso para caso. No geral, o ar-condicionado pode oferecer maior conforto para quem está passando por uma crise de febre. Isso não quer dizer que, em caso de aumento de temperatura corporal, você deve ir correndo colocar a temperatura em 17ºC ou coisa assim.

Cuidado com o frio demais

Lembre-se que o aumento da temperatura interna deixa o corpo das pessoas mais sensíveis à temperatura do ambiente. Um dos sintomas mais comuns da febre, por exemplo, é o calafrio, justamente porque a pele aquecida está em constante contato com o ar em temperatura diferente, causando a impressão de frio. 

Então não é recomendado que pessoas febris fiquem expostas às baixas temperaturas. Até porque a febre é um reação inflamatória, e é o corpo que deve baixar a temperatura internamente. 

Portanto, o frio intenso só causa desconforto e agrava a situação de quem está febril. Além da sensação de frio intensificada, o corpo vai continuar reagindo e compensando a temperatura externa, o que vai fazer o organismo trabalhar com mais força, gastando mais energias e recursos que ele poderia estar usando para se recuperar.

Temperaturas amenas ajudam na recuperação

Se você quer usar o ar-condicionado para ajudar com alguém com febre, então esse deve ser configurado para ficar em uma temperatura agradável para que a pessoa possa ficar sem casacos e cobertores por causa da sensação de frio. Algo entre os 22ºC e ou 23ºC. Assim, o indivíduo vai ficar confortável e não vai agravar o seu estado se abafando com edredons e coisas parecidas.

Além disso, a umidade é outra grande vilã de gripes e pessoas enfermas. O ar-condicionado também ajuda nesse quesito, pois ele diminui drasticamente o nível de umidade relativa no ar. 

A resposta então é simples: não adianta colocar o ar-condicionado no frio intenso, pois isso só vai prejudicar a pessoa com febre. Porém, você pode configurar o aparelho condicionador de ar para gerar conforto e estabilidade para a recuperação de um paciente febril. 

Lembre-se, claro, que esse ar-condicionado deve estar com os filtros limpos, o que é essencial para todos, mas especialmente para quem está com a saúde debilitada. Se ficou com alguma dúvida ou sugestão, deixe aqui nos comentários!