Por Yuri Correa
Redação do Portal WebArCondicionado

Desde que o ar-condicionado existe, as pessoas reclamam das formas como ele pode fazer mal à saúde. E é verdade que, se mal utilizado, os condicionadores de ar podem facilitar o surgimento de alguns problemas, especialmente os respiratórios.

Mas como esse aparelho pode afetar a garganta?

Acontece que o ar-condicionado, quando executa o processo de climatização, retira a umidade e ressaca o ar do ambiente. E o recomendado para o corpo humano é que o nível de umidade fique acima de uma média de 30%.

Então a resposta mais simples é: Sim, o ar-condicionado resseca a garganta. Mas vamos entender melhor como isso acontece e como prevenir?

Ressecamento da mucosa

Quando ficamos muito tempo expostos ao ar-condicionado, ao em um ambiente climatizado com temperaturas muito extremas, a nossa pele pode ressecar com muita rapidez.

Só que pele das mãos e do rosto ainda é grossa e bem protegida, agora você imagina a mucosa, que é a pele fininha que protege o interior da boca e da garganta?

Pois é, essa pele é muito mais sensível e precisa ser lubrificada com frequência. Até pra isso que serve a saliva dentro da boca, e ainda assim, se a gente fala demais a garganta já fica seca, não é?

Isso acontece apenas com o ar saindo dos pulmões e passando ali em grande velocidade.

Cuidados no trabalho e durante a noite

Se o ar que respiramos está seco, sem umidade, esse efeito é agravado e a nossa garganta resseca com muito mais facilidade. E se você trabalha em ambientes com ar-condicionado, especialmente se você trabalha falando, o risco de machucar a mucosa da garganta é ainda maior.

Quem dorme com o ar-condicionado ligado também sofre com esse problema, pois fica respirando o ar ressecado a noite inteira. Pior ainda se a pessoa dorme com a boca aberta, inalando diretamente pela garganta esse ar com pouquíssima umidade.

Instalação e Manutenção de Ar-Condicionado

Os riscos da garganta ressecada

Os problemas causados a partir do ressecamento da garganta são vários, pois com a garganta ressecada, a mucosa pode arranhar com facilidade, abrindo feridas expostas que podem causar perda de voz e até inflamações.

Quando respiramos pela boca, não há filtros do organismo como aqueles que existem nas narinas. Sujeiras acabam passando e, se a garganta está arranhada por causa do ressecamento, surgem as inflamações.

Como se prevenir

Então cuidado quando estiver em ambientes com o ar-condicionado, especialmente se ele estiver configurado em uma temperatura extrema (muito quente ou muito frio), tome bastante água. 

Especialmente se falar bastante durante o dia, mantenha sua garganta sempre lubrificada, e cuide a respiração, sempre pelo nariz.

Ficou alguma dúvida sobre os efeitos do ar-condicionado no ressecamento da garganta? Deixe seu comentário abaixo!