Atualizado por Yuri Correa em 20/01/2020
Redação do WebArCondicionado
gas-refrigerante-ecologico-no-ar-condicionado-o-que-e
Existem muitas pessoas com dúvidas sobre os aparelhos de ar-condicionado que utilizam gás refrigerante ecológico, ou simplesmente chamado de gás ecológico. Nessa postagem vamos explicar o que é um gás ecológico e mostrar alguns exemplos de aparelhos que utilizam esse tipo de fluido.

O que é o Gás Ecológico

O gás ecológico se classifica como todo aquele que não emite CFCs (clorofluorcarbonos), que são substâncias à base de cloro muito prejudiciais à saúde das pessoas e ao meio ambiente também.

Os CFCs causam danos à camada de ozônio, responsável por proteger a Terra contra a radiação solar, porque as moléculas da sua composição se ligam com substâncias da camada de ozônio, transformando os elementos nela em produtos mais leves. Por causa disso, as novas substâncias que são formadas a partir dessa mistura se desprendem da camada de ozônio e deixam buracos para trás na atmosfera.

Como se chegou nesses gases?

Durante um tempo se pensou ter encontrado a solução para os fluidos refrigerantes e o meio ambiente nos HCFCs (hidroclorofluorcarbonos), como o R-22, mas com o tempo descobriu-se que eles agravam o Efeito Estufa. Hoje, inclusive, existe no Brasil um programa de redução exponencial desses produtos até chegar a zero em 2040.

Já os gases ecológicos são aqueles que possuem uma medição de GWP (potencial de aquecimento global) baixíssima. E atualmente os gases ecológicos são o que há de mais sustentável no mercado, os tipos mais comuns nos aparelhos de ar-condicionado são o R-410A e o R-407C.

Recarga do gás ecológico

O manuseio de fluidos como o R410-A é semelhante ao do R-22. A diferença é que o R410-A deve ser retirado totalmente do sistema para que seja feita nova carga. Não é recomendado fazer apenas o complemento da carga de gás, e a quantidade vai depender do aparelho e do fabricante.

Portaria nº 3.523

O uso cada vez mais comum desses gases atende às exigências do Protocolo de Montreal e da Portaria nº 3.523. Muitas empresas fabricantes de ar-condicionado já se adequaram a essas exigências. O documento trata de normas relativas à qualidade do ar em ambientes climatizados, considerando a preocupação com a saúde, o bem-estar, o conforto, entre outros.

Gases Ecológicos

R-410A

Este é um HFC (hidrofluorcarboneto) que foi desenvolvido para substituir o HCFC R-22. O seu GWP é de 2088 e, portanto, é considerado que ele não agride a camada de ozônio e possui baixíssima contribuição no Aquecimento Global. Hoje é o gás mais utilizado em condicionadores de ar do tipo split Hi-Wall, veja abaixo alguns exemplos de aparelhos populares que o utilizam.

Ar Condicionado Split 9000 BTU Frio Dual – Inverter – LG – 220v – S4-Q09WA5WB

Ar Condicionado Split 18000 BTU Quente/Frio – Inverter – ELGIN – 220v – HVQI18B2IA

Ar Condicionado Split 9000 BTU Frio – Inverter – CONSUL – 220v – CBF09EBBNA

R-32

Este é um gás que ainda está sendo testado e comparado, mas que já roda em alguns aparelhos pela Europa, onde está sendo pesquisado. Ele possui o GWP mais baixo já registrado até hoje: 675. Dentre as alternativas ao R-410A, é o com mais capacidade de refrigeração e eficiência, o que o torna bastante atraente como investimento futuro. No Brasil ele ainda não é comercializado, mas talvez estejamos olhando aqui para o próximo fluido refrigerante mais popular do mercado.

R-407C

É utilizado principalmente em chillers, aparelhos de ar condicionado domésticos e comerciais e bombas de calor.

Chiller Samurai Hitachi

Chiller Samurai Hitachi

A procura por uma alternativa 100% sustentável de fluido refrigerante é incessante desde o surgimento dos primeiros condicionadores de ar. Os chamados gases ecológicos são nada mais do que as últimas descobertas feitas pelo setor, por isso é sempre válido se manter atualizado no que há de mais novo sendo pesquisado e testado nos laboratórios, nas universidades e pelas instituições especializadas.