Redação Portal WebArCondicionado

A Fortune Business Insights, empresa mundial especialista em pesquisas de mercado e tendências, divulgou em seu último relatório alguns números do mercado HVAC com projeções para 2026.

De acordo com o relatório, “a crescente demanda por unidades de climatização com altos índices de eficiência energética desempenhará um papel fundamental para impulsionar o crescimento do mercado HVAC que deve atingir $191,35 bilhões até 2026”.

Leia também: Representatividade de um setor que cresce a cada ano

Maior mercado HVAC seguirá na Ásia

Em 2008 o mercado asiático já tinha batido em $60,62 bilhões e de lá pra cá esse número só aumenta.

Até 2026 o número deve crescer ainda mais devido ao aumento da receita disponível na região. Um maior poder de compra está permitindo que as famílias e empresas da região exijam unidades avançadas de aquecimento, ventilação e refrigeração, o que é um bom presságio para o mercado.

O aumento deve ocorrer também na América do Norte devido ao crescimento no setor residencial que segue constante. Já na Europa, o combate aos efeitos do agravamento do aquecimento global seguirá impulsionando o mercado. Os sistemas HVAC utilizando novas tecnologias sustentáveis estará cada vez mais presente ao redor do planeta.

No Brasil, estima-se que todo o mercado nacional de refrigeração, ar condicionado, ventilação e aquecimento movimente em torno de R$ 37 bilhões anuais e empregue direta e indiretamente mais de 250 mil pessoas.

Eficiência energética e cuidados com o meio ambiente ganharão mais destaque

Um estudo realizado pela ONU apontou que as áreas urbanas são responsáveis de 50% a 60% das emissões globais de gases de efeito estufa.

Ao longo dos anos, os sistemas HVAC surgiram como soluções quase que fundamentais para ajustar as temperaturas internas de casas e edifícios, porém eles também podem ser responsáveis por grande parte do consumo de energia.

Atentas as exigências dos consumidores que clamam por sistemas ativamente econômicos e cada vez menos poluentes, as marcas do setor de HVAC estão investindo muito em tecnologias que impactem menos ao meio ambiente e sejam mais sustentáveis, sendo isso uma tendência mundial constante.

Leia mais: Setor de ar condicionado e refrigeração é essencial mesmo durante a pandemia

Comente abaixo o que achou dessa matérias. Até a próxima!