Carrier tem mais de 2,5 mil funcionários no país asiático e uma rede de mais de 60 escritórios de vendas e serviços

Museu Carrier

Museu da Carrier compartilha a história por trás da tecnologia e as mudanças contínuas na indústria de HVAC./Imagem: Reprodução

Muita história sobre HVAC em uma área de 4.000 m². A Carrier inaugurou museu no distrito de Baoshan, em Xangai. O espaço cultural expõe o papel da empresa na história e no desenvolvimento de soluções HVAC. O Carrier Air Conditioning Museum explora a importância da fabricante em toda a transformação da indústria.

Além de apresentações interativas, que mostram a história da tecnologia HVAC, os visitantes do museu da Carrier podem ver equipamentos residenciais, comerciais e de automação de serviços e de prédios. Há também o novo centro de treinamento e manutenção para os clientes aprender sobre ambientes internos mais saudáveis. Conforme Titus Yu, Diretor Administrativo da Carrier no norte da Ásia:

“O legado de Willis Carrier, inventor do primeiro sistema moderno de ar condicionado, continua vivo, já que a empresa que ele fundou, lidera a indústria com produtos e práticas de fabricação sustentáveis e com eficiência energética na China. Agora podemos compartilhar a história por trás da tecnologia e as mudanças contínuas na indústria de HVAC, com a adição do museu em nosso campus em expansão”.

A Carrier estabeleceu sua primeira joint venture em Xangai no ano 1987. Contudo, está presente no país desde 1937, através da instalação do sistema da empresa no Banco da China. Atualmente, a fabricante tem mais de 2,5 mil funcionários uma rede de mais de 60 escritórios de vendas e serviços.

Redação WebArCondicionado