[ x ] Fechar

Como realizar a carga de gás no ar-condicionado Split

  • 01 de fevereiro de 2018
  • 7 Comentários

carga-de-gas

Todo bom profissional técnico de ar-condicionado que se preze sabe que existem boas práticas que são essenciais para uma instalação e manutenção qualificada. Desde o planejamento até a execução da operação – entre outros procedimentos – cada passo deve ser muito bem elaborado, e pensando nessa necessidade hoje vamos falar sobre como realizar a carga de gás refrigerante nos modelos Split.

Para isso, consultamos o Manual de Boas Práticas do Programa Brasileiro de Eliminação dos HCFCs, que orienta sobre a prevenção de vazamentos e consequentemente ajuda a preservar a camada de ozônio ao incentivar atitudes sustentáveis.

Leia também: Quanto tempo dura o gás do meu ar-condicionado?

Antes de começar o procedimento que irá ser apresentado no passo a passo a seguir, vale lembrar a importância de realizar um bom vácuo no sistema, para que assim os gases não condensáveis e a umidade sejam removidos e a carga possa então ser iniciada. Verifique também a quantidade de gás que deve ir na carga do aparelho. Vejamos:

Passo a passo da carga de gás no ar-condicionado Split

1. Em vácuo, abra a válvula do manifold para o cilindro de carga do fluído refrigerante e realize vácuo nessa mangueira através de T com válvula globo ou conexão extra no próprio manifold (quatro pontas);

gas-refrigerante-split2. Realize uma carga inicial no sistema. Se a carga for feita com líquido, deverá ser feita pela linha de líquido. No caso da carga pela linha de sucção, verifique se não há líquido na linha de sucção com o par pressão/temperatura na saturação. A temperatura da linha de sucção e do compressor deverá ser maior do que o valor saturado correspondente à pressão medida. É indicado que a carga seja feita com a utilização de uma balança de precisão;

3. No caso da carga de gás refrigerante ser conhecida, quando atingir o valor desejado, interrompa o processo fechando as válvulas da garrafa de carga e do manifold. No caso de não conhecer a carga correta total, faça uma estimativa pelo tamanho e capacidade da unidade de refrigeração, carregue com 50 a 70% deste valor, ligue o sistema e sempre monitore o acréscimo da carga por meio de manômetros, balança, temperatura, corrente elétrica, superaquecimento e sub-resfriamento.

Cuidados ao dar carga de gás no ar-condicionado

• A corrente elétrica do compressor depende de múltiplas variáveis, como a pressão de sucção e de descarga e essas das temperaturas da câmara e do ar externo de condensação, portanto, não é um valor confiável;

• O sub-resfriamento da linha de líquido e superaquecimento da linha de sucção só podem ser utilizados em sistemas com válvula de expansão termostática. Não devem ser usados como referência em unidades com capilar, por exemplo;

dados-ar-condicionado• O ideal é conhecer a folha de dados do equipamento com os seus parâmetros de operação e comparar com os valores reais de funcionamento.

• Se houver vazamento do fluido (veja aqui um vídeo de como detectar), é necessário o recolhimento de todo esse gás restante do sistema antes de realizar as atividades de manutenção e reparo. Essa é a única maneira de saber a carga exata contida no sistema. Não há como saber a quantidade que vazou. Por isso recomenda-se medir a quantidade de fluido recolhida e verificar na placa de identificação do aparelho e no manual do fabricante a quantidade exata de gás necessária para completar a carga, evitando desta forma uma carga em excesso.

Agora que você entende melhor como realizar a carga de gás em um ar-condicionado Split, compartilhe com os amigos que têm dúvidas e ajude a espalhar boas práticas entre o setor.

Leia também: Cuidado com fluidos refrigerantes falsificados ou adulterados

Redação do Portal WebArCondicionado. Com informações de Programa Brasileiro de Eliminação dos HCFCs-PBH.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 Ideias sobre "Como realizar a carga de gás no ar-condicionado Split"

  • Não seria o contrario super aquecimento somente em sistemas de expansão via capilar pois no caso de expansão solenoide ela mesma controla fluxo de refrigerante no sistema,

  • possuo um eqpto de ar refrigerante proveniente da china.que comprei de uma empresa que iria fabricar aparelhos de ar conducionadores.
    o equipto é novo esta na cx.
    pergunta: eu faço o que com isso?
    ja me disseram que é pra introduzir gas r 22 nos aparelhos. …mas não sei não. !!
    abs e muito obrigado pelo canal.

    • Olá, Roberto.

      Aqui no webAr nós divulgamos cursos realizados em todo o Brasil. Aconselhamos que você acompanhe em nosso blog a seção “Cursos e Eventos”, sempre surgem novas oportunidades. Além disso, para não perder nenhum, sugerimos que você siga nossas redes sociais. Em nosso Facebook, Instagram e Twitter divulgamos todos os cursos lá :)

      Qualquer outra dúvida, estamos à disposição.