Redação WebArcondicionado com informações do Portal Tecnoblog

 

 

Com o surgimento da pandemia do novo coronavírus, o uso de ar-condicionado foi além do controle da temperatura e passou a ser também um aliado na purificação do ar.

E, ao contrário do que muita gente pensa, o uso constante do ar-condicionado não precisa necessariamente trazer preocupações com o aumento no gasto com eletricidade.

O modelo inverter pode reunir qualidade do ar a sustentabilidade e ser adaptável a todas as estações.
Entre suas principais vantagens:

• Economia – a diferença entre um aparelho padrão e o inverter é de até 60% a menos de gastos, alguns podem chegar a 70%;

• Maior conforto térmico – os modelos convencionais desligam e ligam ao alcançar determinada temperatura, enquanto o inverter a regula constantemente;

• Mais sustentável – o gás utilizado no ar-condicionado inverter é mais ecológico e não afeta a camada de ozônio;

• Maior durabilidade – menor oscilação, por não ficar no constante “ligar e desligar”;

Alguns modelos ainda apresentam funções específicas que ajudam a eliminar contaminantes biológicos e substâncias nocivas à saúde como bactérias, vírus, bolores, ácaros, poeiras, pelos de cão e de gato.

Outras funções atuam no controle da umidade do ar, ruído e até autolimpeza dos aparelhos.