Com a medida, a fabricante busca se adequar ao mercado e equalizar o posicionamento no próximo ano
produção da Gree no Brasil

Produção da Gree no Brasil: Confira os motivos da redução.

No Brasil, a Gree diminui o ritmo da produção. De acordo com a fabricante, o país é o mercado mais importante para a fabricante fora da China. O diretor da companhia no Brasil, Nicolaus Cheng, explicou os motivos em matéria publicada na “IstoÉ Dinheiro”.

De acordo com Cheng, diversos fatores geram grande incerteza para a empresa e as demais fabricantes. Conforme a Gree, a redução na produção no Brasil é estratégica, pois busca se adequar ao mercado e equalizar o posicionamento no próximo ano.

Segundo Cheng, os custos no Brasil registraram aumento entre 40% a 50% na pandemia. Os aparelhos de ar-condicionado fabricados pela marca no país são compostos por 85% de componentes oriundos da China e valor do frete internacional cresceu mais de cinco vezes.

A aposta da Gree está na capacidade da fábrica em Manaus, que teve o potencial ampliado de duas para seis linhas de produção desde 2018. Nesse intervalo, as vendas aumentaram 80% e o faturamento cresceu mais de 200%.

“Estamos otimistas para o desempenho do mercado em 2023 e em 2024”, destaca Cheng.

Conforme a ABRAVA (Associação Brasileira de Refrigeração, Ar-Condicionado, Ventilação e Aquecimento), a produção de aparelhos residenciais chegou a 3,3 milhões de unidades em 2021. O índice representa um crescimento de 10,9% na comparação com 2020.

Contudo, em 2022, deve alcançar apenas 6% – 3,5 milhões de exemplares -, em relação ao ano passado.

Representação do Mercado Brasileiro na Gree

De acordo com a Gree, a marca possui 400 milhões de consumidores no mundo. A cada três aparelhos de ar-condicionado fabricados no planeta, uma unidade é da marca. A empresa é líder em vendas na China há 20 anos consecutivos e há dez no mercado global.

Leia mais:

Mercado global de sistemas HVAC promete crescer 7,4% ao ano
Gree Busca Padronizar Mercado de Climatização

Conforme Cheng, o Brasil é importante estrategicamente para a nossa matriz. Desde 2017, ano em que ele chegou ao Brasil, o número de colaboradores na planta no Amazonas cresceu 600%, saindo de 200 para 1,2 mil.

A estratégia da Gree prevê lançamentos em seu plano de expansão no Brasil. O planejamento inclui novas linhas de produtos como refrigeradores, geladeiras, ventiladores e climatizadores.

Redação WebArCondicionado