Redação Portal WebArCondicionado

Fabricante sul-coreana apresentou três tecnologias inovadoras em busca da excelência qualidade do ar no interior dos seus veículos

Qualidade do ar e lançamentos

A qualidade do ar que respiramos é um assunto cada vez mais em alta, ainda mais com a disseminação mundial do corona vírus. Com a intenção de sanar essa necessidade, a Hyundai desenvolveu três tecnologias que pretendem, segundo a marca, revolucionar os sistemas de ar-condicionado dos veículos, são elas: After-Blow, Multi-Air Mode’ e Fine Dust Indicator.

Conforme a marca, as novidades serão introduzidas inicialmente nos modelos coreanos e, mais tarde, serão comercializados pelo restante do planeta junto com os carros Hyundai.

Leia também: Ar-Condicionado Veicular: Conheça os Tipos

Confira as características de cada inovação da Hyundai

After-Blow

É uma tecnologia que seca a condensação do sistema de evaporação, impedindo o crescimento de bolor no sistema de ar condicionado, que pode causar odor durante condições meteorológicas quentes. “Após o motor ser desligado e da drenagem natural da condensação do sistema de evaporação durante, aproximadamente, 30 minutos, o After-Blow é ativado durante 10 minutos para secar o evaporador e alguma condensação restante na passagem de ar.

O sistema de ar condicionado permite automaticamente a entrada de um fluxo de ar do exterior durante este período, com o intuito de prevenir a acumulação de umidade”, explica a marca em comunicado oficial. “A tecnologia utiliza um sensor de bateria inteligente (IBS) que monitora a bateria fazendo com que pare de trabalhar caso a bateria esteja fraca, afastando qualquer tipo de preocupações no que diz respeito ao descarregamento da bateria. Esta tecnologia é, também, desativada quando o sistema de ar condicionado não é utilizado durante um certo período de tempo, ou quando a temperatura exterior é baixa”, disse a Hyundai.

Multi-Air Mode

A tecnologia Multi-Air Mode recorre a múltiplas aberturas para o ar condicionado e aquecimento com o intuito de criar um ambiente mais agradável no interior com uma brisa suave. “Quando ativado este modo, o ar é dispersado através das múltiplas novas saídas de ar no banco do condutor e passageiro, em adição às saídas de ar convencionais. O volume total de ar mantém-se, mas a dispersão do ar reduz o contacto direto do ar, suavizando o mesmo.
Este modo pode ser ligado ou desligado consoante a preferência do condutor”, esclarece a Hyundai.

Fine Dust Indicator

A tecnologia Fine Dust Indicator avalia o ar que se encontra no interior do veículo em tempo real, permitindo ao condutor controlar melhor a qualidade do ar. O indicador demonstra a concentração e o nível de poluição de partículas ultrafinas (PM 2.5) no interior do veículo utilizando números e cores para uma melhor compreensão do condutor: azul para 0 a 15 μg/m3, verde para 16 a 35 μg/m3, laranja para 36 a 75 μg/m3, e vermelho para 76 μg/m3 ou mais. “Se o nível de partículas ultrafinas exceder as 36 μg /m3 enquanto a função está ativa, o modo de purificação do ar entra em ação de forma a purificar o ar presente no interior do veículo”, acrescenta a marca sul-coreana.

Leia mais: A história do ar-condicionado automotivo

Comente abaixo o que você achou dessas novidades? Até a próxima!