Chemours deseja preencher 50% de seus cargos com mulheres a nível mundial até 2030

Chemours equidade de gênero

Ramo industrial historicamente tem predominância masculina./Imagem: Reprodução Chemours.

A Chemours Company (NYSE:CC), multinacional química líder global em Tecnologias de Titânio, Soluções Térmicas e Especializadas, Materiais de Performance Avançada e Soluções Químicas, tem como um de seus objetivos de Compromisso de Responsabilidade Corporativa (CRC) 2030, alcançar a equidade de gênero e preencher 50% de todos os cargos a nível global com mulheres.

A participação de mulheres no mercado de trabalho é um assunto que vem sendo bastante discutido, ainda mais no ramo industrial, que historicamente tem predominância masculina. Por conta disso, as empresas deste setor têm se preocupado em criar políticas para a maior inserção de mulheres, incluindo o tema de Diversidade e Inclusão como parte de suas estratégias de Responsabilidade Social Corporativa.

Tal estratégia por parte das indústrias já se reflete nos dados atuais, visto que, segundo o Ministério do Trabalho e Emprego, a participação de mulheres em empresas industriais cresceu 14,3% em 20 anos. E, de acordo com dados da ONU – ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável), atualmente as mulheres representam 32% da força de trabalho no ambiente industrial.

Neste cenário, a Chemours estabeleceu seus Compromissos de Responsabilidade Corporativa 2030 segmentados em três pilares: Pessoas Inspiradas, Planeta Compartilhado e Portfólio Evoluído. Alinhados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU, os pilares da empresa contemplam 10 objetivos focados nos funcionários, nas comunidades, na segurança, no meio ambiente e na cadeia de valor.

Chemours Brasil e a liderança feminina

A Chemours Company no Brasil tem contribuído para a meta estabelecida pela multinacional, apresentando uma profissional feminina em posição de alta liderança com Claudia Antunes, que atualmente ocupa o cargo de Presidente da Chemours no Brasil.

De acordo com Claudia, as medidas que estão sendo tomadas para atingir o objetivo da multinacional vão desde a reestruturação básica, como a inclusão de banheiros e vestuários femininos em diversas localidades nas plantas, até a área de formação, em que a Chemours criou um programa global de auxílio ao desenvolvimento de mulheres na carreira técnica (STEM). Quando se trata da área de liderança da empresa, a presidente destaca que há quatro mulheres na Diretoria Global e três mulheres no Conselho de Administração da Chemours, uma grande demonstração de seu compromisso com a diversidade.

“No setor em que iniciei minha carreira era muito raro encontrar mulheres. Chegar em um ambiente em que tem poucas mulheres pode intimidar, mas eu encarei isso como uma grande oportunidade. Uma chance de mostrar que podemos participar, que temos uma contribuição efetiva e também de criar oportunidades para mais mulheres nos próximos anos. Porque ter uma rede de apoio de mulheres dentro da sua organização é fundamental”, afirma Claudia.

Outro exemplo de liderança feminina na empresa é Joana Canozzi, Líder de Desenvolvimento de Negócios de Soluções Térmicas e Especializadas na Chemours Brasil, que também ocupa o cargo de vice-presidente do Comitê de Mulheres da Associação Brasileira de Refrigeração, Ar Condicionado, Ventilação e Aquecimento (ABRAVA) onde são tratadas questões relacionadas à inserção e fortalecimento da presença das mulheres no mercado AVAC-R.

“Meu engajamento com a causa das mulheres, começou a partir do desenvolvimento do meu trabalho no segmento AVAC-R, pelo qual tenho muito amor. Tenho muito orgulho de ver o tema de mulheres no setor da climatização repercutindo”, declara Joana. Ainda segundo a engenheira, as mudanças desse panorama já são visíveis, isso porque a participação de mulheres em treinamentos do setor AVAC-R tem aumentado cada vez mais

Desse modo, a Chemours avança na igualdade de gênero, incentivando as mulheres em suas carreiras dentro da indústria química e a “buscar seus próximos desafios dentro de suas áreas de atuação e planos de carreira, pois a procura por conhecimentos e por oportunidades pelas mulheres não pode acabar nunca”, inspira Claudia Antunes, Presidente da Chemours no Brasil.

Com informações Chemours