Redação Webarcondicionado com informações do site O Globo.

Algumas regiões do Brasil passaram por dias muito quentes nos meses de setembro e outubro. Esse fato, somado a iminente chegada do verão tem provocado uma procura intensa por aparelhos de ar-condicionado. Entretanto, assim que o equipamento é instalado, muitas pessoas se perguntam: e agora, a minha conta de luz? Mas a resposta que daremos vai causar alivio em muita gente, pois há modelos que podem gerar uma economia de até 70% na fatura de energia elétrica.

De acordo com os resultados da pesquisa Procel – Programa de Conservação de Energia Elétrica, da Eletrobras – apontou, com base em informações dos fabricantes, que aparelhos com a tecnologia inverter podem economizar de 40% a 70% de energia em relação aos modelos tradicionais.

Um exemplo: a economia de energia estimada com um aparelho split inverter é de 70%. No Rio de Janeiro, o uso de seis horas diárias de ar-condicionado de 9.000 BTUs consome em média 119,70 kWh, a um custo de R$ 81,84 por mês. Com a troca do aparelho, esse gasto passaria a ser em torno de R$ 18, já com o reajuste aplicado pela distribuidora Enel.

Os dados da pesquisa foram obtidos em 2019, mas, neste ano, já houve lançamentos no mercado com uma eficiência ainda maior, como as linhas de ar condicionado WindFree, da Samsung, que prometem economizar 77% no consumo de energia.  Vale lembrar que os equipamentos com nota A no Selo Procel indicam maior eficiência energética.

Ao analisar o cenário, pode-se dizer que é um investimento a curto e a longo prazo, já que houve um aumento considerável na distribuição energética em todo o País e a economia no bolso será sentida agora como nos anos seguintes e o padrão de eficiência será mantido.

Compre agora mesmo o seu aparelho de Ar Condicionado INVERTER aqui!