Redação WebArcondicionado com informações do Portal Terra

O aumento de pessoas em seus lares neste momento de pandemia da Covid-19 gerou uma série de mudanças de hábitos, não só no Brasil mas em quase todo o mundo. O consumo diário de energia aumentou em torno de 18% durante este período (referência agosto de 2020) impulsionado pelo uso de aparelhos elétricos e eletrônicos durante o dia.

Neste contexto, o ar-condicionado destaca-se como um dos maiores vilões no consumo de luz. Muito pela falta de conhecimento das pessoas em relação a escolha dos aparelhos, uso indevido do aparelho e má instalação.

E é justamente a instalação do ar-condicionado um ponto importante para a economia energética evitando a baixa produtividade, ineficiência no resfriamento e o alto consumo.

A escolha do modelo também é essencial para um menor consumo energético. Uma alternativa ao modelo convencional é o modelo inverter que possui maior eficiência energética, reduzindo em até 60% o consumo de energia, com recursos como maior controle da temperatura, baixo nível de ruído e não agride a camada de ozônio.

O maior aliado para um consumo consciente de energia é o conhecimento.