[ x ] Fechar

Você já ouviu falar em resfriamento por teto radiante?

  • 09 de outubro de 2014
  • Nenhum Comentário

Você já ouviu falar em resfriamento por teto radiante?Por conta do clima quente que faz em quase todo o Brasil o ano inteiro, novas alternativas de resfriamento ambiental estão sendo estudadas. Uma delas é o resfriamento por teto radiante, solução que hoje em dia é muito aplicada na Europa.

Já falamos aqui sobre o resfriamento por piso radiante, mas você já ouviu falar em teto radiante? O fundamento é praticamente o mesmo. Esse sistema consiste na diminuição da temperatura da superfície do teto, o que permite o resfriamento do corpo humano através da troca de radiação com as superfícies resfriadas.

A alta umidade relativa e as temperaturas elevadas causam um certo desconforto térmico e cerca de 40% da troca de calor do corpo com o meio ambiente é feita por meio de radiação. Os principais vilões são as paredes e tetos exposto a radiação direta do sol, o que levou os estudiosos a criarem esses sistemas.

Como funciona o resfriamento por teto radiante
O sistema de resfriamento por teto radiante geralmente é composto de Placas Radiantes, que são montadas em forros metálicos ou aplicadas sobre forros de gesso ou lajes de teto.  Essas placas possuem tubos de cobre ou de plástico, onda a água gelada circula e resfria o teto. Assim, o resfriamento radiante age sobre o corpo humano e transfere o calor para as placas com temperaturas mais baixas.

Nesse processo a temperatura da água é alta, de 15ºC a 17ºC, se comparada com a dos sistemas de ar condicionado tradicional que normalmente são de 6ºC a 7ºC. O objetivo é reduzir os riscos de condensação nas superfícies resfriadas, além de apresentar economia de energia.

Essa água, usada nas placas, forma vários circuitos hidráulicos independentes e fechados, que geralmente são resfriadas pela água gelada dos chillers.

Os sistemas hidráulicos das placas são normalmente subdivididos por pavimentos, cada um com uma estação hidráulica individual. Cada estação hidráulica é composta por trocadores de calor de placas, bomba de água de velocidade variável, válvulas de controle e um tanque de expansão.

Vantagens desse tipo de resfriamento
Energia: Os compressores de refrigeração são os maiores consumidores de energia seguidos dos ventiladores dos aparelhos de ar condicionado.

Manutenção: A mão de obra com limpeza de filtros, serpentinas e dutos é reduzida e reparos nas partes rotativas de ventiladores é eliminada, e os ruídos associados a movimentação de ar também.

Espaço e arquitetura: O teto radiante é uma solução para prédios onde não haja possibilidade de instalação de dutos.

Redação do Portal WebArCondicionado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *