[ x ] Fechar

Sistema de ar condicionado pode ser porta de entrada para hackers realizarem crimes

  • 02 de maio de 2014
  • Nenhum Comentário

Sistema de ar condicionado pode ser porta de entrada hackers para realizarem crimesCada vez mais, sistemas de automação têm feito parte do dia-a-dia de ambientes residenciais e comerciais. A facilidade, aliada à agilidade e tecnologia, vai de encontro ao que a sociedade tem buscado nos últimos anos. Hoje em dia, é possível que empresas e usuários controlem e ajustem remotamente o aquecimento e ventilação dos escritórios e residências. O problema está na utilização e vulnerabilidade dos softwares necessários para a utilização, pois acessando um desses sistemas, os hackers podem conseguir acessar todos os outros.

Invasão à Target
Um exemplo desse problema ocorreu recentemente com a empresa norteamericana Target (uma das maiores redes de varejo dos EUA), que teve suas informações invadidas através do sistema de ar condicionado e 40 milhões de clientes tiveram seus dados de cartão de crédito roubados.

Falha na segurança é a porta de entrada para os criminosos
Invasões como essa têm ocorrido com frequência no ramo empresarial norteamericano, porque alguns fornecedores, por negligência, não utilizam os mesmos parâmetros de segurança dos seus clientes, tornando-se alvos fáceis dos cibercriminosos. O acesso pode ocorrer através de softwares que controlam vários tipos de serviços, de climatização e energia até os utilizador por setores de recursos humanos, financeiro e demais administrativos. Conforme for a automação utilizada na empresa e formato dos sistemas, invadindo um desses softwares, é possível invadir todos os outros.

Outros sistemas que podem ser alvo de hackers
– Cardápios online;
– Máquinas automáticas para venda de alimentos;
– Máquinas automáticas para venda de refrigerantes;
– Sistemas de despesas e de recursos humanos;
– Sistemas de funções de análise de gráficos e dados;
– Sistemas de gestão de contas;
– Provedores de seguro saúde.

Redação do Portal WebArCondicionado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *