[ x ] Fechar

Lacta investe em climatização para incrementar vendas de ovos de Páscoa no Nordeste

  • 15 de março de 2013
  • Nenhum Comentário

Lacta investe em climatização para incrementar vendas de ovos de páscoa no NordestePara tornar a região do nordeste brasileiro um mercado promissor para o setor de chocolates na Páscoa, a Mondelez International, empresa responsável pela marca Lacta, criou novas estratégias. Devido às altas temperaturas da região, que ultrapassam os 30º C, a dificuldade de comercializar os produtos aumenta, por isso, a alternativa foi investir em climatização. Deste modo, a empresa instalou pontos de venda em lojas que possuem condicionadores de ar e criou adegas climatizadas para estabelecimentos comercias localizados nas ruas das principais cidades da região, afim de conservar melhor os ovos de páscoa.

De acordo com a estimativa da companhia, o consumo de ovos de chocolate é três vezes menor no Nordeste em comparação ao restante do país. Mesmo que a região concentre quase 30% da população nacional, apenas 11% do chocolate produzido (cerca de 28 milhões de unidades em 2013) é consumido na região. Como explica a gerente de categoria de chocolate, esta avaliação é graças ao calor: “Por causa do clima muito quente, a distribuição de ovos de chocolate é muito difícil no Nordeste”.

Ambientes climatizados

Parceria entre a Lacta e as AmericanasJá que os produtos precisam estar a uma temperatura de 23ºC, a empresa desenvolveu duas soluções que ajudarão a incrementar as vendas. Inicialmente ampliou parcerias com lojas e magazines dentro de estabelecimentos comerciais, como shoppings centers, que possuem um sistema de climatização. Um exemplo é a loja das Americanas, localizada dentro do Iguatemi de Fortaleza. Lá, a Lacta criou uma estrutura para quem deseja adquirir os produtos da marca, que contam com atendentes exclusivos onde os clientes podem personalizar seus ovos e conhecer melhor as ofertas.

Adega climatizada da LactaAlém dos grandes centros comerciais, a Mondelez ampliou os locais de venda para as ruas, em locais que normalmente são abertos e não contam com aparelhos de ar condicionado. Para estes espaços a aposta foi oferecer adegas climatizadas, que funcionam como prateleiras refrigeradas para os chocolates, semelhantes aos refrigeradores de bebidas. Mais de 200 unidades destas adegas já foram distribuídas em diversos estabelecimentos como padarias, bares e lanchonetes do Ceará, Pernambuco e Bahia.

Texto criado exclusivamente pelo setor de jornalismo do Portal WebArCondicionado. Com informações de Folha de são Paulo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *