[ x ] Fechar

Estacionamentos apostam em climatizadores para melhorar a qualidade do ar

  • 28 de novembro de 2012
  • Nenhum Comentário

Estacionamentos apostam em climatizadores para melhorar a qualidade do arAmbientes fechados como estacionamentos cobertos causam em algumas pessoas problemas de saúde. Pois além do calor e tempo seco, ainda há a concentração de poluentes lançados pelos motores, que provocam o aumento de monóxido de carbono no local. Para melhorar a qualidade do ar desses locais, é necessário investir em equipamentos de climatização.

Riscos à saúde

Com a falta de espaço para os veículos nas ruas das cidades, o número de estacionamento também vem aumentando. Mas, junto com isso, aumenta a preocupação com a qualidade do ar nesses ambientes fechados, já que aumenta o risco de intoxicação, que podem causar náusea, tontura e em casos mais extremos a morte.

Abafados e úmidos, tais locais possuem concentração de Monóxido de Carbono que podem causar sérios riscos à saúde. Pois ao entrar nas vias áreas, este gás se dirige ao sangue, matando os glóbulos vermelhos. Por isso, muitos estacionamentos têm apostado em climatizadores que eliminam esse gás, jogando água no ambiente e aumentando a concentração de oxigênio.

Shopping Total, de Porto Alegre (RS)Melhoria nos shoppings

Foi o caso do Shopping Total, de Porto Alegre (RS). Seu estacionamento coberto possui 7,5 mil metros quadrados. Em média, transitam 850 mil pessoas por mês no local. Como não havia climatização, o ambiente era muito quente, principalmente durante esta época do ano. Assim, o gerente operacional do estabelecimento, João Gabriel Pretto, decidiu instalar 12 climatizadores, que além de refrescarem o ambiente, dissipam o gás carbônico.

– Percebemos a vantagem no combate ao calor excessivo provocado pela estação e pelos veículos. – explica João.

Climatizador JoapeBenefícios do climatizador

Os climatizadores utilizados pelo shopping são da empresa gaúcha Joape, especialiazada neste segmento.  Os equipamentos emitem uma fina névoa de água, que não molha, mas somam peso as partículas poluentes e as obriga a chegar ao chão, longe das vias respiratórias.

Esses modelos também eliminam a eletricidade estática, gases e odores e diminuem o choque térmico, comum nesse tipo de local, pois o usuário sai do carro com ar condicionado ligado e desce no calor. E o fato do sistema não trabalhar com bicos injetores, entupidos com freqüência, a manutenção do equipamento torna-se mais fácil.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *