[ x ] Fechar

Conheça o Air Cube, a novidade asiática em climatização

  • 13 de janeiro de 2015
  • 2 Comentários

A fabricante chinesa Haier está prestes a comercializar sua mais nova aposta, o Air Cube. A empresa já esteve no Portal WebArCondicionado por conta de suas inovações e designs modernos de aparelhos de climatização, como o condicionador de ar Tiazun.

Agora o novo dispositivo criado pela companhia assemelha-se a um pilar, podendo ser facilmente montado e desmontado, assim como a simples ação de brincar com blocos de Lego. Os quatro módulos oferecidos – desumidificação, umidificação, purificação e aromaterapia – podem ser montados em oito combinações diferentes, levando o Air Cube a ser o único aparelho que permite um controle total sobre todos os aspectos da qualidade do ar do ambiente.

Diferencial
O maior destaque do Air Cube encontra-se justamente em seu design modular, permitindo que o usuário faça uma combinação livre dos blocos de acordo com sua vontade. Por causa disso, não é preciso adquirir uma variedade de aparelhos para cada função, pois o produto da Haier reúne todos os modos de climatização em uma só peça montada, atendendo as necessidades individuais de quem está no controle do dispositivo.

Conforto e praticidade
Por se tratar de um aparelho prático, o usuário pode passar o tempo descansando ou realizando outras atividades enquanto o Air Cube está trabalhando em segundo plano em silêncio, liberando um fluxo contínuo de ar fresco e saudável.

O produto foi recentemente lançado no mercado durante a CES (Consumer Electronics Show) 2015, entre os dias 5 e 8 de janeiro. A feira internacional de eletrônicos que acontece anualmente em Las Vegas, nos Estados Unidos, divulga as tendências do setor e mostra qual o caminho as empresas de tecnologia vão seguir durante os próximos 12 meses.

.

Redação do Portal WebArCondicionado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Ideias sobre "Conheça o Air Cube, a novidade asiática em climatização"