[ x ] Fechar

Ar condicionado ajuda a reduzir número de vandalismo

  • 31 de maio de 2013
  • Nenhum Comentário

Banheiro PúblicoÉ nisso que os dirigentes do novo estádio do Corinthians estão apostando. Na tentativa de diminuir o número de barbarismo dentro das áreas reservadas para o público amante do futebol. Arquitetos e engenheiros que trabalham na obra do Itaquerão instalaram aparelhos de ar condicionado também nos banheiros da nova obra futebolista.

A ideia foi retirada do dia a dia dos brasileiros que moram em São Paulo.”As pessoas saem do ônibus nervosas por conta da superlotação e do calor, mas ficam calminhas quando entram no metrô, que é refrigerado. Chamamos isso de efeito metrô”, declarou Aníbal Coutinho, autor do projeto corinthiano. Assim, a questão da conservação do estádio foi relacionada e ao ar-condicionado. “Por isso estamos refrigerando os banheiros, para reduzir o vandalismo, senão não sobra um”, afirma, também, ao site sobre a Copa-2014.

vandalismo nos banheiros

A Arena Corinthians garante conforto térmico com a presença de ar condicionado em todos os setores do estádio. Todo esse aparato de refrigeração custou aos bolsos públicos cerca de R$ 27 milhões – segundo presidente do clube Mario Gobbi.

Inauguração

O Itaquerão completou ontem dois anos. O estádio que receberá a abertura da Copa de 2014 está com 79% das obras prontas. A previsão do Corinthians é que o estádio ficará pronto em dezembro, mas ainda faltando algumas obras estruturais para que o Itaquerão possa receber a abertura da Copa do Mundo. Assim, o estádio só estaria realmente pronto para a abertura em fevereiro, quatro meses antes do Mundial. A Fifa agora diz que esse prazo é suficiente.

itaquerão

As obras necessárias para que o estádio receba a abertura, como a instalação das arquibancadas móveis (20 mil lugares) e das áreas de hospitalidade, fora do estádio, não entram no orçamento de R$ 820 milhões do Itaquerão. Empresas privadas podem bancar essas intervenções. Os assentos provisórios, que estão orçados em R$ 30 milhões, serão removidos do estádio após o Mundial.

Texto criado exclusivamente pelo setor de jornalismo do portal
WebArCondicionado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *