Uma mulher de 25 anos morreu e outras três pessoas da mesma família foram levadas para o hospital em estado grave após um aparelho de ar condicionado ser limpo com água sanitária.

A tragédia ocorreu na Turquia, na província de Kahramanmaras, quando a família decidiu usar o produto extensivamente para se certificar que a casa estava livre de germes. Segundo o jornal DailyMail, a mãe é obcecada por limpeza e eles estavam lavando as paredes, a cozinha e o banheiro, além de limpar o sistema de ar condicionado com água sanitária, resultando em uma forte fumaça que encheu o interior do imóvel.

Saliha Tasan, 60 anos, a filha Tuba Gurbuz, 25, o genro Yusuf Gurbuz, 30, e a nora Zeynep Tasan, 27, foram levados para o hospital por envenenamento. Tuba morreu no hospital. A mãe e o genro estão em estado crítico e devem ficar em coma cerca de quatro meses. Zeynep, a nora de Saliha, ainda está em coma e não tem previsão de ser liberada.

Investigações em andamento
A polícia está investigando um detergente à base de óleo que foi usado e também pode ter contribuído para a catástrofe ao reagir com a fumaça do alvejante.

Huseyin Tasan, o pai da família que escapou de ser envenenado, deu entrevista dizendo que queria dizer a todos no país para ter cuidado ao usar produtos químicos em casa.

Redação do Portal WebArCondicionado. Com informações de DailyMail.