Na onda de Pokémon Go, a mídia já publicou diversas notícias surpreendentes de pessoas em busca de novos pokémons, mas o que vamos revelar aqui é ainda mais impressionante. Em Arizona, nos Estados Unidos, os pais de uma criança abandonaram o filho de 2 anos sob o calor extremo da época para irem caçar pokémons. Os dois foram procurados pela polícia local.

O pequeno foi encontrado sozinho por um vizinho à noite em um calor de 35ºC, todo vermelho, suado e sujo, chorando na frente da porta de casa. As autoridades buscaram a criança e levaram para uma área com ar-condicionado.

Mesmo após o sol se pôr, a temperatura no Arizona geralmente permanece acima dos 30ºC no verão, tornando necessário que as pessoas se mantenham em um local climatizado.

Segundo o Digital Trends, portal americano de notícias, os policiais entraram em contato com Brent Daley, o pai da criança, e Brianna, a mãe, mas mesmo assim Brent atendeu e logo ignorou a chamada, mostrando-se perturbado pela interrupção das capturas de pokémons.

Desfecho
Após isso o casal voltou para casa e afirmou que o menino deveria estar dormindo enquanto eles saíram para abastecerem o carro. No entanto, um inquérito teria descoberto que Brent e Brianna estavam “dirigindo ao redor de San Tan Valley, parando em parques e outros locais para interagir com o jogo”.

Eles acabaram sendo presos enquanto o filho foi levado pelo Departamento de Serviços para Crianças do Arizona. Depois da prisão, na semana passada, o casal foi liberado sob o pagamento de fiança. No entanto, o pai e a mãe provavelmente precisarão de um advogado para tentar recuperar a guarda da criança.

Quer caçar os melhores preços de ar-condicionado? Capture já em nosso comparador!

Redação do Portal WebArCondicionado. Com informações de Digital Trends.