[ x ] Fechar

VRF: tipos de condensadoras e evaporadoras

  • 14 de fevereiro de 2012
  • 1 Comentário

5 – Tipos de evaporadoras*

Apesar de ser considerada uma instalação ainda muito cara, mas que apresenta algumas vantagens, o sistema VRF vem aumentando sua partipação no mercado. Entre 2006 e 2012, tais sistemas passaram de 2% para 9% de participação no mercado de HVAC-R.
O sistema VRF pode ser comparado, a grosso modo, ao multi-split, que dispõe de uma condensadora e a possibilidade de interligação com um grande número de evaporadoras, utilizando-se dispositivos de automação de modo a otimizar o uso da condensadora conforme o número de evaporadoras em funcionamento, reduzindo assim o consumo de energia.

Vantagens:

– facilidade de instalação em comparação a outros sistemas centrais;
– menor custo operacional;
– uso de gás ecológico, normalmente o R-410A;
– trabalha com diferentes tipos de evaporadoras, aumentando as opções de instalações para diferentes tipos de ambientes;
– compressor com velocidade variável (inverter), diminuindo o consumo de energia;
– temperatura controlada individualmente, com precisão, por meio de controle remoto para cada evaporadora;
– sistema de automação já incluso, não necessita de projeto como nas outras instalações de ar condicionado.
– oportunidade para as empresas, mas requer conhecimento técnico na parte mecânica, elétrica e eletrônica. Poucas empresas no Brasil estão aptas a fazer instalações VRF.

Com a tendência de crescimento de instalações deste tipo de sistema, surge a oportunidade de melhor remuneração para os instaladores que estiverem aptos a fazer esse tipo de instalação. Aconselho as empresas a treinarem seus funcionários em cursos do Senai ou junto aos fabricantes para não ficarem de fora deste mercado.

5.1 Evaporadoras tipo hi-wall. Série LG Art Cool, utilizadas em ambientes com alto grau de acabamento.


5.2 Evaporadoras tipo cassete 4/2/1 vias são muito utilizadas, pois proporcionam ótimo acabamento. As unidades são fornecidas com bombas para drenagem e controle remoto sem fio.

5.3 Evaporadoras dutadas para baixa/média/alta pressão. São unidades usadas em pequenos e grandes ambientes, fornecidas com bomba para dreno e controle remoto com fio.

5.4 Evaporadoras aparentes de piso e teto também são bastante utilizadas e possuem controle remoto sem fio.

6 – Tipos de condensadoras

6.1 Condensação a água: normalmente utilizada onde há pouco espaço para montagem e sem área de ventilação.

6.2 Condensação a ar: normalmente utilizada onde há área livre para montagem e com boa ventilação.

*Otto Rezende é engenheiro eletricista formado pela Universidade de Taubaté (UNITAU-SP) e trabalha com sistemas de ar condicionado VRF.

Contato: ottorezende@ig.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Uma Ideia sobre "VRF: tipos de condensadoras e evaporadoras"

  • Saudações Otto Rezende;
    Espero que esteja tudo bem com você.
    Trabalhamos com manutenção e instalação de Ar Condicionado em Minas Gerais, e sou ainda leigo se tratando de VRF.
    Gostaria de fazer uma pergunta, e se você puder nos ajudar será de muita importancia pra nós.
    A princípio, seria essa: Eu posso em um andar onde está instalado 4 Casete 4 vias de 30000 Btus, refazer a instalação para 8 HiWall de 12000 Btus?
    A necessidade é devido à reformulação do andar com paredes de gesso, e não mais será adequado os equipamentos Cassete.
    Outra opção seria utilizar as evaporadoras dutadas sobre o gesso.
    Tudo isso ainda está em estudo, gostaria de saber se pode ser feito essas substituições, caso seja viável economicamente.

    Atenciosamente;

    Sebastião Pinto Ribeiro
    Técnico em Mecatrônica e Eletroeletrônica
    ________CREA: 1411039360________
    Star-Serviços Técnicos em Ar Condicionado.