[ x ] Fechar

Sistema individual de climatização para o trabalho é desenvolvido no MIT

  • 14 de julho de 2016
  • Nenhum Comentário

Para quem sonha em trabalhar com um sistema personalizado de aquecimento, refrigeração e iluminação que segue seus usuários de acordo com seus movimentos, saiba que essa ideia já foi colocada em prática. Desenvolvida pelo arquiteto e engenheiro Carlo Ratti, a tecnologia foi criada para ser utilizada dentro de edifícios como uma bolha de temperatura sob medida.

O criador e sua equipe já haviam explorado muitas formas de controle do clima antes com outros projetos experimentais, incluindo até uma espécie de nuvem flutuante que projeta ar fresco em volta das pessoas, o Cloud Cast. Agora, Ratti, que trabalha no MIT (Massachusetts Institute of Technology) vai além. “Muita energia está sendo desperdiçada com climatização em prédios vazios”, diz o idealizador do projeto. “Sincronizando o uso de energia e a ocupação humana no interior dos edifícios, podemos criar uma arquitetura mais sustentável e responsiva, reduzindo teoricamente o consumo em até 40%”, completa Ratti.

O sistema da vez adapta-se ao local de trabalho para aprender e suprir as necessidades de seus usuários em relação a melhor temperatura do ambiente, otimizando o uso do espaço e limitando o desperdício de energia. Para isso, designers e pesquisadores do protótipo equiparam sua estrutura com sensores que monitorizam diferentes conjuntos de dados, incluindo fatores como: níveis de ocupação das pessoas, temperatura, concentração de CO² e o estado das salas de reuniões. Veja o vídeo:

Com base nessas informações capturadas pelo sistema, a climatização acontece de forma dinâmica juntamente com a iluminação do lugar, sendo acompanhadas em tempo real. Os usuários podem controlar a temperatura através de um app no smartphone e a “bolha térmica” segue eles em todo o edifício, sendo ativada pelo sensor de presença. “Essa plataforma aberta para ocupantes, funcionários e convidados ainda pode evoluir ao longo do tempo através de mais aplicativos e atualizações de software”, finaliza um dos inventores do MIT.

Não é uma boa ideia?

Redação do Portal WebArCondicionado. Com informações de DesignBoom.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *