[ x ] Fechar

Setor de ar condicionado de precisão deve crescer 40% até 2020

  • 18 de agosto de 2016
  • 2 Comentários

Setor de ar condicionado de precisão deve crescer 40% até 2020De acordo com estudos realizados pela TechNavio (empresa de pesquisa de mercado com sede em Londres), o mercado global dos Centros de Processamento de Dados (Data Center) prevê um crescimento de até 15% ao ano até 2020. E com esse crescimento, o setor de ar condicionado de precisão também se beneficia.

O CPD e todos os dados armazenados nele dependem do sistema de climatização por conta da exigência de temperatura que esse tipo de ambiente precisa. Um Data Center, chamado de ambiente crítico, necessita de um controle mais rígido de temperatura (entre 21º e 22ºC) e de umidade, que dever estar entre 45% e 55%.

A parte mais difícil não é alcançar esses números, e sim mantê-los. Por isso, não importa a quantidade de aparelhos de ar condicionado comuns que se instale, esse controle só é possível com um sistema preciso de ar condicionado.

Crescimento do mercado de ar condicionado de precisão
Com a expansão mundial do mercado de Centros de Dados, o setor de ar condicionado de precisão deverá ter um aumento de 10% ao ano até 2020. Hoje, esse setor está avaliado em US$ 440 milhões (dados de 2015).

Em se tratando de números de instalações a América é líder. Nos Estados Unidos existe uma grande procura por sistemas de baixo consumo de energia elétrica, lá 2% do consumo é relacionado a Centros de Processamentos de Dados.

Leia mais: Entrevista: Milena Lange, especialista em climatização de Data Centers

Redação do Portal WebArCondicionado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Ideias sobre "Setor de ar condicionado de precisão deve crescer 40% até 2020"

    • Olá Jeferson,

      no momento não encontramos nenhum, mas você pode acompanhar o blog na seção “Cursos” pois todos os cursos que encontramos nós divulgamos. Você pode também entrar em contato com a ABRAVA pelo telefone (11) 3361-7266, talvez eles tenham alguma informação.

      Obrigado pelo contato.