Os serviços de climatização de ambientes e o seguro de responsabilidade civil

*Por Salvador Fraga

Instaladores de condicionadores de ar e mecânicos de refrigeração, entre outros profissionais, executam parte de seu trabalho em ambiente de propriedade de terceiros, os clientes. Esse fato traz um risco para a necessária lucratividade da operação, uma vez que qualquer dano em que a culpa seja, direta ou indiretamente, do profissional contratado, deve ser por ele indenizado.

Lembro-me bem de duas situações, numa delas, a equipe responsável pela obra civil, abertura e fechamento de canaletas, instalações de rede elétrica e hidráulica, depois de terem feito um trabalho perfeito, saindo do segundo pavimento de uma mansão, carregando uma escada para fora da casa, bateram num lustre de cristal que desprendeu do teto e caiu, provocando um prejuízo igual a dez vezes o valor cobrado pelo empreiteiro. Noutra, um mecânico de refrigeração, refazendo o vácuo num sistema SPLIT Hi Wall, com potência nominal de refrigeração de 18.000 BTU/h, teve todo o óleo de sua Bomba de Vácuo espalhado sobre um piso de mármore importado da Itália. Desta vez o reparo ao dano causado ao terceiro ficou em quase vinte vezes o valor cobrado para o conserto do SPLIT.

Estas situações podem ser remediadas com a prévia contratação de um seguro de RESPONSABILIDADE CIVIL DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS EM LOCAIS DE TERCEIROS.

A contratação de serviços para a climatização de ambientes maiores, como teatros, aeroportos e grandes áreas industriais, pressupõe a existência de um contrato e apólice, ou apólices de seguro para a cobertura dos mais variados riscos envolvidos na operação.

Porém, a contratação de profissionais para a execução de serviços vulgarmente reconhecidos como “simples”, dispensa tais formalidades, e quando uma empresa individual ou de pequeno porte é convocada judicialmente a indenização de danos causados em ambientes ou a propriedades de terceiros, por imperícia, imprudência ou negligência, corre o risco de comprometer a lucratividade e até mesmo a continuidade das atividades da empresa.

Sabemos que o mais prudente é a adoção de medidas preventivas, mas, como o nome do evento já denuncia, ACIDENTES acontecem. Consulte um Corretor de Seguros.

Leia mais texto de Salvador Fraga

Salvador Fraga - Colunista Web ArCondicionado*Salvador Fraga é especializado nos temas de Gestão Estratégica em Vendas, conforto térmico de ambientes, atuando como consultor para dimensionamento, projeto e implantação de sistemas de condicionadores de ar. Também trabalha com consultoria empresarial, padronização de rotinas e ministra cursos na AGAS nos módulos de gestão de negócios. Contato: salvadorfraga@hotmail.com ou pelos fones (51) 3398-7782 / (51) 9353-3983 ou SF Consultoria