[ x ] Fechar

Portugal investe em climatizadores brasileiros

  • 31 de julho de 2014
  • Nenhum Comentário

Climatizadores JoapeO mercado na área de climatização em Portugal vem ganhando muita força, isso porque no país durante a primavera e o verão, principalmente nos meses de julho e agosto, o clima fica seco com temperaturas superiores a 30º, algumas vezes chegam a quase 40º. Além disso, a necessidade de reciclagem de algumas empresas após a crise financeira de 2009 trouxe uma alternativa positiva para acordos com a indústria brasileira.

Joape em expansão
Uma das empresas beneficiadas com essa aliança entre o Brasil e Portugal é a Joape, fabricante gaúcha de climatizadores, que ingressou no mercado português através da parceria com a empresa de climatização Arcoinstal.

Segundo o representante da Arcoinstal, Nuno Couceiro, Portugal foi muito atingido com a última crise econômica que afetou também vários países por todo o mundo. “Com a crise mundial em 2009 em que Portugal foi fortemente afetado, sobretudo em 2011, a empresa procurou diversificar a sua oferta e criou a parceria com a Joape para a comercialização dos produtos em nosso país. Para nos afastar de nossa imagem histórica (ar condicionado), criamos uma marca autônoma para fazer vencer este conceito e elaboramos a marca Ameno, onde nos dedicamos somente a estes produtos, que é uma imagem mais atrativa e mais amiga do ambiente”.

Entretanto, inserção dos produtos brasileiros no mercado português não teve uma aceitação rápida, visto que os consumidores tinham ideias conservadoras em relação a inovações. Com o tempo os aparelhos começaram a ganhar espaço, em Portugal os produtos mais vendidos para climatização são os pedestais, com design moderno, capacidade de autonomia e baixo consumo o produto ganhou o mercado e os clientes portugueses.

“Aproveitamos a expertise que tínhamos do aluguel e posicionamos a Ameno/Joape não somente como um produto de venda, mas também de locação, permitindo, assim, o cliente verificar os benefícios do equipamento Joape com uma fracção do investimento da compra”, afirma Couceiro.

A empresa está localizada na cidade de Barreiro, zona sul de Lisboa, local com a maior comercialização em Portugal. Na comparação dos anos de 2012 para 2013, o faturamento cresceu cinco vezes, em 2014 a intenção é incrementar as vendas em 50%. Para alcançar índices ainda maiores a aposta é a comercialização em todo o país, investindo na zona litorânea e em grandes centros urbanos como as cidades de Porto e Faro.

Novas negociações
As empresas de climatização brasileiras têm atraído olhares de vários países por todo mundo. Com design moderno e preocupados com a sustentabilidade e eficiência em diferentes tipos de ambiente, a Joape fechou recentemente negociações com empresas no Chile, Peru, Colômbia e Panamá.

Redação do Portal WebArCondicionado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *