[ x ] Fechar

Hospital público de Caçapava/SP cobrava taxa para o uso de ventiladores levados por pacientes

  • 20 de janeiro de 2015
  • Nenhum Comentário

fusamHá 10 anos, a Fundação de Saúde e Assistência do Município de Caçapava (Fusam), além de não fornecer uma boa climatização dos quartos para os pacientes internados, cobrava uma taxa de quem levasse ventiladores de casa.

Um recibo no valor de R$5 pelo uso da eletricidade era emitido e entregue aos parentes dos enfermos.  “Para mim é uma piada. E se a pessoa não puder pagar a taxa, como fica? Eles vão impedir de entrar e a pessoa vai ter que ficar no calor”, reclamou Benedita, cunhada de um paciente.

De acordo com o Ministério da Saúde, nenhuma taxa pode ser cobrada pelo Sistema Único de Saúde (SUS), e essa iniciativa da Fusam é ilegal.

Problema resolvido
Após a repercussão, o presidente Guilherme Matarezi, extinguiu a cobrança da taxa. A Fundação se pronunciou sobre o fim da taxa em seu perfil oficial no Facebook:

“FIM DA COBRANÇA DA TAXA DE ELETRICIDADE
A FUSAM informa que o presidente Guilherme Matarezi extinguiu a cobrança desta taxa de uso de eletricidade (R$ 5,00 independente do tempo de internação) que vigorava há mais de 10 anos. Dos 9 quartos da Clínica Médica, 5 possuem ar condicionado. Já está em andamento o projeto para a instalação de mais equipamentos.”

Redação do Portal WebArCondicionado. Com informações da TV Vanguarda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *