[ x ] Fechar

Game of Thrones x Tempo: Curiosidades que você nunca viu

  • 28 de agosto de 2017
  • Nenhum Comentário

A sétima temporada de Game of Thrones chegou ao fim ontem, e o WebAr resolveu entrar no mundo da série e descobriu que GOT tem tudo a ver com algumas pautas que costumamos trazer aqui no nosso portal. Já pensou em ter um ar-condicionado com o tema da série? Já se perguntou como funciona o clima em Westeros?

Veja a seguir algumas curiosidades que todo fã da série e de ar-condicionado – e quem está atento às mudanças climáticas – precisa saber:

1. Ar-condicionado de Game of Thrones, mito ou verdade?

Para nossa tristeza, nenhum fabricante lançou, pelo menos ainda, um aparelho temático da série. O máximo que encontramos foi a imagem abaixo, localizada no Pinterest, que mostra um Split da Samsung com um adesivo escrito “Winter is Coming”, fazendo referência à frase mais famosa de Game of Thrones.

ar-condicionado-game-of-thrones

Enquanto ninguém coloca em prática essa ideia, o que podemos fazer é o mesmo da foto, colando um adesivo personalizado. Já imaginou estar passando o maior calor e ligar seu aparelho no modo frio e ver que “Winter is coming”? Melhor ainda é fazer isso assistindo a série.

2. Bright Weather: Você pode acompanhar o clima em Westeros através do aplicativo

Se você não possui um ar-condicionado da série, ao menos você pode ficar sabendo sobre a temperatura nos reinos de Game of Thrones. Isso tudo graças a um aplicativo que mostra se está frio ou calor direto da tela do seu smartphone: o Bright Weather. Gratuito e disponível nos sistemas Android e iOS, a interface do app é muito simples e mostra informações como sensação térmica, velocidade, direção do vento, nascer e pôr do sol, mapa, registros históricos e até mesmo fase lunar.

aplicativo-game-of-thrones

Para adicionar os incríveis territórios de King’s Landing e Winterfell, cenários da série, basta clicar no ícone que contém três bolinhas e apertar em “locais”. Após isso, procure pelos nomes e pronto, volte a tela inicial e selecione as cidades desejadas para acompanhar o clima. Olhando a temperatura você pode até imaginar qual roupa vestiria se estivesse em Westeros!

Leia também: Aplicativos de ar-condicionado disponíveis para smartphones com Android e iOS

3. O clima de Game of Thrones é diferente do nosso mundo

Falando em temperatura, você pode até saber quantos graus está em Westeros, mas já parou para pensar em como funciona o clima no ambiente de Jon Snow e de outros personagens da série? Diferente do que acontece no nosso mundo real e atual, em Game of Thrones as estações do ano não são bem anuais.

Lá, verões e invernos duram frequentemente mais do que alguns meses, e em algumas situações, mais de décadas. Durante a Longa Noite, por exemplo, há 8 mil anos, o inverno durou por volta de 40 anos – tempo suficiente pra muita gente nascer e até morrer sem ter visto o verão na série.

O calor só voltou depois que os caminhantes foram expulsos para o norte, evento que fundou a patrulha da noite e motivou a construção da muralha de gelo que protege o mundo civilizado. Veja mais informações no vídeo criado pelo canal Nerdologia:

4. E se a grande muralha de gelo de Game of Thrones derretesse?

Vamos a essa última curiosidade, que é mais longa mas muito interessante. Misturando a ficção da série com a nossa realidade, usuários da rede social Reddit fizeram os cálculos para saber qual seria o impacto do derretimento da grande muralha. Para isso, utilizaram dados da enorme geleira fornecidos pela página Game of Thrones Wiki e identificaram que a muralha tem 213 metros de altura e 482 803 metros de largura – ocupando toda a extensão, de costa a costa, de Westeros.

game-of-thrones-muralha

Para calcular o volume total da grande muralha de gelo, no entanto, foi necessário fazer a conta em metros cúbicos (multiplicando-se a altura, largura e profundidade): em média, a espessura da parede é de 91 metros. Multiplicando as três medidas, o resultado foi um volume final de 9.358.170.549 metros cúbicos.

De acordo com a ciência, o volume ocupado pela água em estado líquido é 0,92 vezes o do gelo. Assim, seriam 8.609.516.905 metros cúbicos de água líquida resultantes do degelo da muralha. De acordo com George R. R. Martin, criador da série, Westeros tem o tamanho da América do Sul – aproximadamente 17.840.000.000.000 metros quadrados.

Leia também: Aquecimento global pode diminuir a rotação da Terra, tornando os dias mais longos

O fim: Ao dividirmos a área total do reino de Westeros pela quantidade de água proveniente do degelo da gigante muralha, resta apenas meio milímetro de água (0,00048 metros). Essa seria a quantidade espalhada pelo solo do reino. Ou seja: não, Westeros não se tornaria um reino submerso se a muralha derretesse (mesmo que isso significasse que as personagens da série morreriam com a invasão dos Caminhantes Brancos). Talvez com o lento degelo (como ocorre no globo com as calotas polares), o povoado fosse apenas um lugar mais quente e úmido.

Por outro lado, o derretimento da geleira traria outras mudanças significativas no ambiente da série: contrariando o que diz o povo do Norte, o inverno não chegaria. Considerando que muralha mantém Westeros e o restante do globo em uma temperatura mais fria, a ausência dela garantiria que alguns locais se transformassem em um deserto, com a perda das árvores e da fauna, além de promover o aumento gradativo da temperatura dos continentes. Isso impediria que o inverno chegasse a todo o ambiente e seria um obstáculo ao fortalecimento do povo do Norte (já que as condições climáticas não seriam as mais vantajosas para eles). No final das contas, a ficção seria bem próxima da realidade.

Lembrou de mais alguma curiosidade de Game of Thrones que se relacione ao nosso conteúdo? Comente aqui com a gente.

Enquanto o próximo episódio será só em 2019, nos acompanhe quando o assunto for climatização.

Redação do Portal WebArCondicionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *