[ x ] Fechar

Empresa terá que indenizar funcionário que adoeceu limpando ar-condicionado no DF

  • 02 de dezembro de 2014
  • Nenhum Comentário

Senado FederalA juíza Naiana Carapeba Nery de Oliveira, da 8ª Vara do Trabalho de Brasília, decidiu que um trabalhador, responsável pela manutenção de equipamentos de ar condicionado no edifício do Senado Federal, deverá receber o valor de R$30 mil de indenização da empresa Entherm Engenharia de Sistemas Termomecânicos Ltda., a qual prestava serviços quando adoeceu.

Em uma reclamação trabalhista, o homem que realizava serviços de limpeza, instalação e manutenção em aparelhos de ar-condicionado, disse que ao ter contato com produtos químicos, durante suas atividades laborais, acabou adoecendo. Ele revelou que o médico pneumologista diagnosticou distúrbio restritivo não reversível, e que teria sido vítima de acidente de trabalho.

A empresa, porém, alegou que os problemas pulmonares do funcionário devem ser consequência de má-formação e não de doença laboral, ao garantir que ele não teve contato com agentes insalubres e utilizava equipamentos de proteção individual.

Mas a juíza constatou que houve negligência da parte da empresa e a considerou culpada pelo acidente que resultou na incapacidade parcial do trabalhador. Em seu argumento, alegou que os equipamentos de proteção individual disponibilizados ao trabalhador, não foram capazes de protegê-lo dos riscos  de lesões em suas atividades.

Redação do Portal WebArCondicionado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *