[ x ] Fechar

Conheça o Bullitt Center, o edifício comercial mais sustentável do mundo

  • 01 de setembro de 2015
  • Nenhum Comentário

Nos Estados Unidos, os edifícios são responsáveis por 39% das emissões de dióxido de carbono, 65% dos resíduos gerados no país e 70% do consumo de eletricidade; dados que podem ser apresentados em muitos outros países do mundo e que estão afetando seriamente o meio ambiente e o acesso aos recursos naturais. Essa realidade, no entanto, não corresponde a todos os edifícios com avanços tecnológicos.

Na cidade norte-americana de Seattle, encontramos um edifício que vai contra essa questão por ser o mais eficiente do mundo em termos energéticos: o Bullitt Center.

O prédio foi construído há três anos, sob petição da Fundação Bullitt, dedicada a promover a sustentabilidade a favor do meio ambiente, e cujo presidente, Denis Hayes, foi um dos criadores do Dia da Terra. A obra foi projetada pelo escritório de arquitetos Miller Hull Partnership.

O edifício
O Bullitt Center possui 50 mil metros quadrados distribuídos em 6 andares. A construção custou um terço a mais do que custaria um edifício sem as suas características, embora tenha-se utilizado mais de 350 materiais que não prejudicam a saúde nem o meio ambiente. Além disso, o empreendimento é energeticamente autossuficiente (99%), o que lhe valeu a prestigiosa certificação Living Building.

Leia também: Novo centro de dados do Facebook será totalmente abastecido com energia sustentável

A energia é captada através dos painéis solares instalados no seu telhado, os quais geram 230.000 quilowatts/hora ao ano. Essa ideia foi pensada para que os funcionários do local possam beneficiar-se de luz natural durante 92% do tempo de trabalho, com janelas imensas que se abrem e fecham automaticamente em função do clima, um sistema de aquecimento central que conta com 26 poços geotérmicos, banheiros que funcionam com um sistema de compostagem e descargas dos sanitários que só requerem duas colheres de água porque funcionam com sabão orgânico. O edifício também utiliza a água procedente da chuva graças a uma cisterna com capacidade para 56 mil litros que está situada no porão, sendo quantidade suficiente para enfrentar 3 meses de seca.

Sustentabilidade como marca
A obra é um exemplo de como é possível agir positivamente nos núcleos urbanos através de projetos arquitetônicos sustentáveis e de grande beleza. O objetivo de seus promotores é demonstrar que esta forma inteligente de construir pode ser lucrativa e inspirar outros profissionais da construção para projetarem edifícios mais racionais e vantajosos para todos.

A consciência de sustentabilidade que fez com que o Bullitt Center se tornasse uma realidade foi também passada aos trabalhadores de seus escritórios. Através do desenvolvimento de um sistema, eles podem consultar em tempo real a quantidade de energia e água consumida.

Leia também: Brasil é um dos países que possuem mais coletores de aquecimento solar no mundo

Redação do Portal WebArCondicionado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *