[ x ] Fechar

Climatização adequada do aquário é fundamental para os peixes

  • 21 de agosto de 2015
  • Nenhum Comentário

Climatização adequada do aquário é fundamental para os peixesUm aquário até pode ser um lindo objeto de decoração, porém, antes de comprar um, é importante lembrar que ele não é apenas um enfeite. Assim como qualquer animal de estimação, os peixes também precisam de cuidados. E ter um aquário em casa, não é uma tarefa muito simples.

Para que os peixes tenham uma vida saudável, além da ração adequada, eles precisam de água limpa, filtrada e sem cloro, boa iluminação e principalmente, temperatura adequada. Para que as condições da água sejam apropriadas, é necessário que haja acompanhamento e regulação, tanto no inverno quanto no verão.

A temperatura da água pode ser controlada com um termômetro especial para aquário, que pode ser de mercúrio ou digital. Com esse aparelho acoplado dentro do aquário, é possível saber quando há necessidade de aquecer ou resfriar.

Em geral todas os peixes toleram temperaturas entre 21ºC e 25ºC, mantendo essa faixa é possível criar várias espécies no mesmo aquário. Porém cada espécie necessita de uma temperatura ideal para que consigam viver bem e por mais tempo.

Mas como saber qual a temperatura é ideal para cada espécie de peixe?
Mas como saber qual a temperatura é ideal para cada espécie de peixe? Quanto a temperatura, existem três tipos de peixes: os de água fria, que necessitam de temperaturas entre 10ºC e 18ºC, os de água temperada, que vivem em água com temperatura entre 18ºC e 22ºC, e os de água quente ou tropical, que são os que encontramos geralmente disponíveis no Brasil, que necessitam ficar entre 22ºC e 28ºC.

No caso dos peixes de água tropical, a temperatura da água nunca pode baixar de 17ºC, pois poderá ser fatal para várias espécies. Mas a temperatura também não pode passar dos 30ºC, pois o perigo é o mesmo. Para os dois casos, as variações de temperatura precisam ser graduais, não podendo baixar mais de 3ºC ou aumentar mais de 8ºC por hora, para não causar choque térmico ou doenças nos peixes.

Como funciona o aquecimento da água
Como funciona o aquecimento da águaPara que a temperatura tropical seja alcançada e mantida, é necessário instalar sistemas de climatização. Os aquecedores são compostos de dois itens: uma resistência elétrica e um termostato com seletor de temperatura.

A resistência é envolvida por um tubo de vidro e mais uma peça de vidro, cerâmica ou areia. E o revestimento dos aquecedores é feito com um tubo metálico ou de plástico inquebrável. Porém, esse tubo corre o risco de quebrar se o aquecedor for retirado do aquário quando ainda estive quente.

O termostato é responsável por manter a temperatura constante, é ele quem regula o funcionamento da resistência. Quando ele detecta a água fria, ele aciona a resistência para que a água esquente gradualmente, até atingir a temperatura adequada. Assim que a temperatura desejada é atingida, o termostato desliga a resistência.

Como funciona o resfriamento da água
Mas como saber qual a temperatura é ideal para cada espécie de peixe? Ao contrário do que muitos imaginam, colocar água fria no aquário para diminuir a temperatura da água não adianta e isso não deve ser feito, em prol da saúde dos peixes. Colocar água fria poderá causar choque térmico e leva-los a morte.

Para diminuir a temperatura da água do aquário de forma adequada, uma maneira bem simples é instalando em uma das paredes um cooler, aquele aparelho que parece um ventilador. Ele ajuda a reduzir até três graus. Existem vários tipos e tamanhos, que variam de acordo com o volume de água e modelo do aquário.

Trocar a lâmpada comum por uma de LED também auxilia na redução da temperatura da água, pois ela emite menos calor. Além disso, deixar a tampa aberta faz com que a água evaporada pelo calor saia mais rápido.

Redação do Portal WebArCondicionado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *