[ x ] Fechar

Ar quente automotivo pode ajudar na saúde

  • 04 de agosto de 2014
  • 2 Comentários

Ar quente automotivo pode ajudar na saúdeTanto no inverno, como no verão, o ar condicionado é um item de grande importância dos veículos, sendo preferência da maioria dos motoristas e passageiros. Como estamos no inverno, você sabia que o uso do ar quente é um grande aliado contra fungos e bactérias contidas no automóvel?

O sistema de aquecimento da cabine, mais conhecido como ar quente só começa a funcionar quando o veículo atinge sua temperatura normal de operação, pois ele colhe a água quente do motor para aquecer o ar e direcioná-lo ao interior do veículo por meio dos ventiladores.

Atenção à saúde
Você sabia que o ar quente do carro tem papel importante para a saúde dos ocupantes do veículo? Pois é, pessoas que tem alergias e doenças respiratórias, muitas vezes, sentem esse problema aflorar quando estão dentro de um automóvel. A explicação é simples: um ambiente fechado, com as pessoas respirando micro-organismos contidos no local. Afinal, as partículas nocivas à saúde não se concentram apenas no aparelho de ar condicionado e sim, em todo o interior do carro, que conta com tecido sintético, onde pode ser encontrado resíduo de suor e poeira.

Se você utiliza o veículo continuamente, é necessário que use o ar quente com motor aquecido (cerca de cinco minutos após ligar o carro) por pelo menos 20 minutos, uma vez por semana, para matar fungos, bactérias e eliminar a umidade. Além disso, ainda prolonga a vida útil do veículo, conservando todos os itens fabricados com pano ou borracha, como direção, cinto, forro de porta e teto, bancos e carpete.

Lembrando que mesmo seguindo estas dicas, é extremamente importante que o sistema de ar condicionado dos veículos seja higienizado com frequência, assim como os filtros que, segundo especialistas, devem ser trocados, em média, a cada 15.000KM rodados.

Cuidados com o arrefecimento
O sistema que gera o ar quente utiliza a água do arrefecimento para operar, então, é recomendado que essa água seja trocada em média a cada 30 mil quilômetros rodados para evitar a corrosão interna e assim prevenir a diminuição da vida útil do sistema. E os dutos de ventilação devem ser limpos pelo menos uma vez por ano, para eliminar todos os micro-organismos que estiverem alojados no sistema.

Redação do Portal WebArCondicionado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

2 Ideias sobre "Ar quente automotivo pode ajudar na saúde"

  • Primeiro Gratidao pelas materias e unica oportunidade de termos informaçoes modernas , atualizadas . Sugestao , dentro possivel , tenho curiosidade de saber mais com relaçao a condiçao atual em tecnologia e trabalho , na refrigeraçao automotiva . E se existe algum site ou revista especializado no assunto .