[ x ] Fechar

Ar-condicionado split fica 30% mais em conta e alivia o calor do carioca

  • 05 de dezembro de 2011
  • Nenhum Comentário

Matéria publicada no site do jornal Extra Online, com algumas informações fornecidas pelo Portal WebArCondicioando.


Com a proximidade do verão, a procura por aparelhos de ar-condicionado aumenta. No ano passado, o equipamento chegou a ficar em falta nas lojas do Rio. E quem quer comprar tem que correr, porque a tendência é que o eletrodoméstico comece a ficar mais caro por causa do calor, como alerta o Portal Web Ar-Condicionado.

Normalmente instalado em ambientes comerciais, os splits vêm ganhando espaço também nas residências. E o preço mais em conta tem animado os consumidores. Segundo Mauricio Cardoso, diretor do Web Ar-Condicionado, uma pesquisa do portal mostra que o aparelho, em um ano, ficou 30% mais em conta.
Mas, antes de comprar, é importante lembrar que também há o custo da instalação, que pode superar o preço do eletrodoméstico, especialmente nos modelos split, que, em geral, são de 220v. A instalação pode variar de R$ 300 a R$ 600. No Submarino, o split Bem Estar Consul de 7.000 BTUs, por exemplo, custa R$ 799.

Aparelhos mais modernos levam à economia até 60%

Uma nova tecnologia, utilizada em aparelhos de ar-condicionado mais modernos, é capaz que gerar economia de até 60% no consumo de energia. Chama-se inverter. Ela faz com que o eletrodoméstico atinja a temperatura desejada rapidamente, mantendo-a constante, com pouca oscilação de energia, além de pouco ruído. Neste caso, a economia pode ser bem grande, em relação ao gasto de um aparelho antigo.

Mito ou verdade?

Normalmente, os aparelhos split são encontrados em 220v, e raramente em 110v, voltagem padrão na capital e na Região Metropolitana do Rio. É comum ouvir por aí que aparelhos 220v consomem menos energia do que 110v.
Mas isso não é verdade, segundo o professor do Programa de Engenharia Mecânica da Coppe/UFRJ, Nisio Brum. Ele explica que a diferença de voltagem não tem impacto na conta de luz. Na verdade, os aparelhos 220v são mais seguros, porque a corrente tende a cair, já que passa por duas fases.
Engenheiro da Eletrobras/ Procel, Rafael David diz que o mais importante é consultar o selo de eficiência de energia antes. Se for “A”, menor impacto terá na conta de luz.

Dicas para economizar energia

Eficiência – Na hora de comprar um ar-condicionado, dê preferência aos aparelhos que têm o Selo Procel de Economia de Energia. Eles farão uma boa diferença no valro de sua conta de luz, principalmente no verão, quando o ar-condicionado chega a representar um terço do consumo de energia da casa.

Ambiente – Dimensione adequadamente o aparelho para o tamanho do ambiente. Para cada metro quadrado considere 1.000 BTUs. Para cada pessoa que frequenta o ambiente, 800 BTUs. E para aparelhos que geram calor (como televisão e computador mais 800 BTUs.

Evite calor – Mantenha portas, janelas e cortinas fechadas, evitando o calor do sol no ambiente. Não tape a saída de ar do aparelho. Desligue o equipamento quando o ambiente estiver desocupado.

Filtros limpos – Mantenha limpos os filtros do aparelho, para não prejudicar a circulação do ar. Limpe-os periodicamente. Filtros sujam forçam o aparelho a trabalhar mais.

Fonte: Extra Online

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *