[ x ] Fechar

Ar-condicionado Inverter: A instalação e as peças são mais caras?

  • 11 de junho de 2015
  • 14 Comentários

Assim como o preço do aparelho de ar-condicionado Inverter é mais elevado que os outros modelos convencionais (On-Off), sua instalação e peças também têm o custo mais elevado.

Esse sistema do ar-condicionado, que é capaz de atingir a temperatura desejada rapidamente e a manter constante, com pouca oscilação de energia, acaba trazendo uma economia significativa se comparado aos Splits tradicionais. Isso acontece pois seu sistema de operação interno habilita o compressor a operar em baixa rotação quando a temperatura fica estabilizada, reduzindo potencialmente o ruído.

Tecnologia avançada
Esse é o maior motivo para que o preço do Inverter seja mais caro que os outros modelos, do mesmo modo que suas peças e instalação. Constituído de um sistema mais desenvolvido, há uma lógica dentro do aparelho, como um computador, que controla todos os fatores de funcionamento, como os sensores de temperatura, luminosidade e velocidade do compressor, fazendo com que suas peças tenham um custo mais elevado.

Mas o fato da linha profissional do Inverter abranger mais tecnologia não significa que o usuário está isento de possíveis problemas. Jairo Bertoni, técnico e atuante há mais de 30 anos no setor, defende que para que o ar-condicionado funcione adequadamente sem causar dores de cabeça ao consumidor, a estrutura de energia elétrica e a qualificação da instalação são fatores decisivos para um correto funcionamento do aparelho.

O alto custo das placas de controle
“No Brasil temos o problema da energia. As constantes quedas de luz e apagões gerais ainda representam uma falha no sistema, já que a rede é muito instável e por causa disso a placa de controle do ar-condicionado acaba queimando facilmente quando cai a luz”, aponta Bertoni. O técnico ainda afirma que essas placas podem representar até 50% do preço do aparelho se for Inverter, ficando muitas vezes inviável mandá-lo para o conserto.

Por causa desses defeitos recorrentes nessa parte do ar-condicionado, a garantia dos aparelhos em geral caiu para 1 ano, considerando que antigamente as companhias davam de 3 a 5 anos caso o produto apresentasse alguma falha.

Instalação
Perante essa situação, a instalação também acaba sendo influenciada em termos de custo, ainda que esse não devesse ser cobrada por um preço mais caro, já que o procedimento é o mesmo do que nos modelos convencionais. Os profissionais acabam exigindo um valor mais alto em equivalência ao preço do aparelho e das peças, que como dito acima, são mais caras que as dos modelos que não são Inverter.

Apesar das possíveis falhas que esse sistema possa apresentar devido à falta de uma boa estrutura elétrica, Bertoni recomenda a instalação se for efetuada por um profissional com experiência e conhecimentos específicos do Inverter no setor.

Encontre os instaladores mais próximos de você aqui.

Redação do Portal WebArCondicionado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 

14 Ideias sobre "Ar-condicionado Inverter: A instalação e as peças são mais caras?"

    • Olá Genilson,

      se a condensadora não for multisplit a ligação não é viável. Até teria como, mas não há garantia de que iria funcionar e volar do investimento é mais alto do que comprar um multisplit. Aqui neste post você poderá ver a opinião de vários profissionais do setor sobre esse assunto.

      Obrigado pelo contato.

  • Sempre sou aconselhado a não comprar solitário inverter pelos instaladores. Eles reclamam de um fio adicional de comunicação entre as partes interna e externa, pois os apartamentos que vem preparado para split não estão preparados para o split inverter.

    Gostaria de saber se essas informações procedem e qual a função desse fio de comunicação entre as unidades no que diz respeito a seu funcionamento? Esse fio, de fato, caracterizavo funcionamento do aparelho como inverter? O consumo de energia está relacionado a este fio de comunicação?

    Fui informado que no momento da instalação esse fio poderia ser ligado a uma fase que o funcionamento seria normal. Procede?

    Grato pelo atendimento e parabéns pelo site.

    • Olá Jose,

      pelo que pesquisamos, geralmente são 4 vias de ligação entre a unidade interna e externa, 1,2,3 e terra. Mas já ouvi falar que algumas marcas possuem um fio a mais. Nesse caso seria necessário modificar a estrutura elétrica da instalação se o aparelho que havia antes era split hi wall. Antes de comprar verifique se o aparelho possui 4 ou 5 fios.
      Para obter informações mais completas, aconselhamos que compartilhe suas dúvidas com outros profissionais técnicos no Fórum do Ar Condicionado.

      Obrigado pelo contato.

  • Tenho um samsung inverter doctor virus, pelo que sei pode ter sido a queda de energia que deu um defeito na placa qual seria o custo para este aparelho de 12000 btus e se seria viável consertar.

    Agradeço a atenção.

  • Na minha opinião, os instaladores estão é se aproveitando do fato do aparelho inverter ser um pouco mais caro para cobrarem também mais caro. Já presenciei a instalação de diversos modelos aqui no meu condomínio e não há absolutamente nada que justifique a absurda diferença. Nem em relação aos equipamentos usados e nem em relação a mão de obra.

  • O artigo está de parabéns .ha técnica para que a instalação do equipamento inverter seja mais onerosa da a parti do momento em que é necessario uma instalação padrão para uma bom funcionamento do máquinario como tubulação correta sem as famosas soldas , vacuo correto, carga de gás adicional correta disjuntor correto um bom fio terra diferente da máquina convencional que qualquer espertinho tente instalar o amigo ai a baixo está equivocado quanto maior conhecimento maior será o valor de um bom profissional do que adianta cobrar 300 para instalar um inverter se não sabe nen fazer um vacuo muito menos quebrar ele pelo amor neh abraços do amigo Guilherme da Top line

  • Meus clientes nunca optaram por sistemas inverter pelo custo beneficio, caso aconteça alguma falha as peças realmente são bem caras. Pena que está cada vez mais claro que o sistema convencional irá desaparecer daqui alguns anos e o sistema inverter virará uma realidade no ramo de ar condicionado.

  • O artigo está um pouco confuso. Não ha razão técnica para que a instalação do equipamento inverter seja mais onerosa que a do convencional. Alguns instaladores sabendo que o usuário pagou mais caro por um inverter, aproveitam o desconhecimento e cobram mais caro pela instalação. Acho que é uma questão de carater e não técnica. Como disse o Fernando Wolmann no comentário abaixo, não confundir manutenção com instalação.

  • B DIA

    OS PROCESSO S DE INSTALAÇÃO DOS EQUIPAMENTOS NÃO SE ALTERAM EM FUNÇÃO DO EQUIPAMENTO ,SEJA CONVENCIONAL OU INVERTER.
    UM DOS GRANDES PROBLEMAS QUE OCORREM É QUE:

    INSTALADOR MUITAS VEZES POR FALTA DE CONHECIMENTO, E ATÉ CLIENTE NÃO POSSUEM O HÁBITO DE LER MANUAIS.

    MANUTENÇÃO NÃO DEVE SER CONFUNDIDA COM INSTALAÇÃO.

    FERNANDO WOLMANN

    • eu comprei ar split comum justamente por causa da parte eletrônica ( placa que controla o compressor que estraga fácil). sou dono de assistência técnica de eletroeletrônicos. Estou bastante feliz. O que vc ganha na economia de energia vc gasta na manutenção ou seja 6 por meia duzia.