Conforme falamos ontem aqui no blog, as emissões de gases de efeito estufa aumentaram e 2017 fechará com um aumento de 2%. Ou seja, as mudanças climáticas são o grande problema do planeta. Essa situação afeta a longo prazo, prejudicando a nossa geração e ainda mais as gerações futuras.

Os governos são os principais responsáveis por realizar ações estratégicas capazes de combater esse grave problema. Porém, nós cidadãos também devemos fazer a nossa parte.  Com pequenas mudanças no dia a dia, podemos diminuir a pegada ecológica de forma significativa. Veja algumas dicas.

1- Não desperdiçar água

A água é um produto da primeira necessidade para toda a humanidade, que afeta a nossa sobrevivência, a indústrias e as atividades econômicas. Por isso, economizar água é um fator de extrema importância para o meio ambiente e para a riqueza da biodiversidade.

Saiba como reaproveitar a água do ar-condicionado.

2 – Comprar somente o que for essencial e durável

É importante nos conscientizarmos do que realmente precisamos e deixar de comprar por impulso e investir em objetos “descartáveis”. O consumo excessivo também afeta o meio ambiente, gera gases de efeito estufa e polui o planeta.

3 – Optar por tecnologias mais eficientes

No momento da escolha do ar-condicionado, por exemplo, devemos parar para analisar todas as suas funções e características, optando por aquele que oferece maior eficiência energética. Ou seja, escolher o ar-condicionado mais econômico, pensando não somente no preço que vamos pagar na compra, mas também na economia de energia que ele oferece. Assim, consequentemente, estaremos pensando no meio ambiente.

4 – Gestão adequada do lixo que produzimos

Separar o lixo não serve apenas para ajudar o zelador do seu condomínio ou o caminhão que faz a coleta. O mais importante em reciclar, tanto na diferenciação quanto na separação do tipo de lixo, é mesmo a questão do meio ambiente

5 – Optar por transporte público ou privado não poluente

O aumento de veículos privados nas ruas afeta seriamente o meio ambiente.  E uma das medidas para diminuir esse impacto é o uso do transporte público. Sim, nós sabemos o quão ruim é o transporte público e a mobilidade urbana na maioria das cidades brasileiras. Mas saiba que através desta medida, é possível reduzir as emissões de CO2 e os gases poluentes na atmosfera. 

6 – Não desperdiçar comida

Muitas pessoas não sabem, ou preferem ignorar essa informação, mas o setor de alimentos também é um dos grandes responsáveis ​​pela produção de gases de efeito estufa e da redução da massa florestal no planeta. Se aproveitarmos melhor os alimentos, podemos ajudar a reduzir a necessidade de produção, e em consequência, a pegada ecológica do setor também será reduzida.

Algumas dessas ações são mais fáceis de desempenhar do que outras, mas o importante é cada um de nós “contribuímos com o nosso grão de areia”. 

Redação do Portal WebArCondicionado.